Seja uma autoridade na sua profissão

autoridade

Por que devo ser uma autoridade?

Alguns meses atrás estive conversando com meu amigo Daniel e ele me falou sobre trabalhar no Canadá, que empresas de TI de lá estavam buscando profissionais do ramo, por acaso aqui no Brasil. De cara essa oportunidade me chamou atenção, não porque eu tinha interesse de trabalhar lá, mas sim pelo fato de entender como as empresas fora do Brasil selecionam profissionais. Em seguida ele comentou que haveria uma palestra sobre o assunto, que daria dicas de como nós brasileiros poderíamos conseguir empregos em outros países. Era uma palestra online, então foi moleza acompanhar.

Quais parâmetros essas empresas usam para escolher um candidato? O que eu preciso ter para concorrer a uma vaga dessas? O que essas empresas buscam nos profissionais? Essas eram algumas das minhas curiosidades.

Pois bem… após a palestra, percebi que essas empresas de fora do país são bem mais exigentes que as empresas aqui do Brasil. Listei alguns itens que essas empresas escolhem para nortear a escolha de um novo funcionário, são eles:

  • Foto profissional no linkedin
  • Perfil em inglês no linkedin
  • Pelo menos duas ou três recomendações em inglês no seu linkedin
  • Diversos posts sobre o assunto no seu linkedin, também em inglês
  • Ser altamente responsivo quando receber o contato de uma dessas empresas
  • Quando receber um contato de uma empresa de fora, responder com imagens ou de preferência responder em vídeos
  • Ter um blog no seu nicho de atuação, dando dicas e mostrando que você realmente sabe sobre o assunto

Essas foram algumas das coisas que pude anotar da palestra que assisti sobre esse assunto de trabalhar fora do Brasil. Agora uma coisa que ficou na minha cabeça foi, essas empresas definitivamente não querem contratar qualquer um que diz saber sobre aquele assunto, elas querem uma autoridade no assunto. Elas não tem tempo pra perder e nem dinheiro pra perder com você, só para testar se você sabe ou não sabe daquele assunto. O blog mostra que você manja do negócio e isso pra elas é o que realmente importa.

Obs: No meio de tantas opções de candidatos, isso hoje em dia(ainda) é um diferencial aqui no Brasil, mas logo logo muitas pessoas terão blogs e sites para se promoverem. O quanto antes você entrar nisso, melhor.

Daí comecei a pensar no quanto hoje em dia a disputa pra tudo é mais difícil. Antigamente a lojinha aqui do meu bairro vendia só para o meu bairro mesmo e tava tudo bem. Hoje não só ela tem a possibilidade de vender para o mundo todo, através da internet, assim como o mundo todo pode vender para o meu bairro. O que quer dizer? A concorrência nunca foi tão monstruosa quanto hoje em dia!

O que isso tem a ver com trabalhar fora do país? Tudo. Se você fosse disputar uma vaga dessas para trabalhar no Canadá, com quantos concorrentes você acha que iria disputar? Todos que soubessem daquela vaga, no MUNDO TODO. Entende o nível de competitividade?

Qual a única forma de ser competitivo num mundo desse de tantos concorrentes? Sendo uma autoridade no que você faz.

Você precisa ser visto como um guru no assunto, isso da o que as empresas mais gostam, segurança na contratação. Ele sabem que tão contratando um cara que definitivamente sabe do assunto e que vai resolver os problemas que ela tem naquelas demandas. Segurança é a palavra, ninguém quer mais arriscar.

Aliás, todos os itens que listei sobre as dicas da palestra, indicam justamente para isso. As empresas não querem qualquer um que diz ter atuado naquela área, elas querem um guru para aquela vaga. Querem uma autoridade. Empresas que buscam profissionais com certificados Microsoft, NASA, Google, PMI, PMO, SCJP… você acha que é porque? Porque justamente essas certificações credenciam esses profissionais como autoridade no que fazem.

Na época, onde não existia internet, a concorrência era menor então o nível de exigência de contratação dessas empresas também era menor. Hoje com o advento da internet tudo mudou, e se você não está se posicionando como uma autoridade no assunto em que trabalha, você está dando brecha para ser engolido pela sua concorrência.

E isso é pra tudo nessa vida… desde um produto que a sua empresa lança, até um serviço que você preste como empregado. Não da para não pensar em qualidade de entrega nesse mundo tão competitivo. Seja lá o que você entregue… desde pipoca a softwares, tem que ser de alta qualidade. Até pra namorar é assim, afinal de contas, tinder e afins também oferecem muitas opções de concorrência.

Entende o que eu digo?

Como se posicionar como uma autoridade

Como as pessoas percebem que você é uma autoridade em um determinado assunto? Quando elas se deparam com um trabalho seu de alta qualidade, é ai que elas percebem que você realmente manja do assunto.

Tá… mas como posso fazer isso? Simples, explicando o que elas ainda não sabem, ensinando algo que elas ainda não não tinham aprendido. Se você não mostrar que sabe, como elas vão perceber que você manja do assunto?

Quando mencionei a lista acima sobre o que as empresas buscam, mencionei ter um blog. Ter um blog é uma forma de se posicionar como uma autoridade. Se você tem um blog que da dicas de beleza, que ensina uma técnica super simples para as meninas se maquiarem para um casamento, pronto, você já se posicionou como autoridade nesse assunto. Lógico que essa autoridade não vem do dia pra noite, ela demora pra ser construída, mas é possível conquistá-la.

Eu escrevi sobre a importância de compartilhar o que você sabe, clique aqui e leia meu texto

Algumas pessoas podem pensar: Ah mais eu não sou faixa preta em marketing para ter um blog de marketing e me posicionar como autoridade nisso.

Na minha opinião isso é uma crença que precisa ser eliminada da sua cabeça, se você assim a tiver. Sabe por que? Simplesmente porque você não precisa ser um faixa preta para ensinar a um faixa branca. Você pode contribuir com as pessoas mesmo que não seja um Jedi no assunto.

Se você leu um livro legal e aprendeu um monte de coisa legal mas não compartilha o que sabe porque acha que que só quem compartilha o que sabe são só as pessoas que possuem MBA, me desculpa mas você ta sendo egoísta. Sim, egoísta.

Egoísta porque por mais que você não saiba tudo, tem um monte de gente que sabe menos que você, ou não sabem nada daquele assunto e se você tem a oportunidade de contribuir com essas pessoas e não o faz, pra mim isso é egoísmo.

Bom essa é a idéia de hoje, fique a vontade para compartilhar, comentar e curtir.

Gostou do conteúdo? Marque 5 estrelas aqui embaixo, dessa forma você vai ajudar para que mais pessoas possam se beneficiar desse artigo 😉

Até a próxima, forte abraço!

Seja uma autoridade na sua profissão
5 (100%) 3 votes

Adicionar um Comentário

Comente abaixo!