Por que o intraempreendedorismo é tão importante?

Intraempreendedorismo, tema interessante. Pra te falar a verdade nunca tinha pensado nele antes, mas cheguei a algumas reflexões bem interessantes sobre o assunto.

Me peguei pensando nesse tema depois de ver uma palestra de alto nível dada pelo Sandro Magaldi num evento do VAGAS.com, vou deixá-la a seguir para que você também possa ver. Vale a pena.

A conclusão que cheguei sobre esse tema é que vivemos na era do protagonismo. Ninguém mais quer ser platéia ou fã, todo mundo quer ser o herói do filme, o principal, o artista, o empreendedor, o líder, o grande esportista, o mega empresário. E aquela cultura extremamente arraigada no brasileiro de fazer concurso público para aproveitar a “estabilidade” que o governo oferece, pouco a pouco vai nos deixando, ainda que algumas pessoas pensem assim, isso definitivamente não pira a cabeça dos jovens hoje em dia e é questão de tempo que isso caia por terra. A geração de agora quer contribuir, mudar o mundo, criar empresas e gerar empregos, ao invés de ficar na mamata do governo fazendo o menos possível e se escondendo de problemas.

Em outras palavras, a moçada de agora quer jogar para ganhar ou invés de jogar para não perder. Essa é a disrupção que os mais velhos tem MUITA dificuldade de entender.

E o que as empresas tem a ver com isso? Tudo.

Se as empresas não se atentarem em manter seus talentos, irão perdê-los (como muitas já estão perdendo) ou para outras empresas (possivelmente startups) que sonham o sonho que o talento sonha, ou para que esse próprio talento abra o seu próprio negócio. E pior, como se essa situação não fosse péssima para as empresas, elas ainda correm o risco de ganhar um novo concorrente de mercado, justamente a empresa que esse talento irá abrir.

E isso tudo acontece porque essa geração de agora traz um modelo mental novo que encontra bastante dificuldade em se conectar com a cabeça arcaica de muitas empresas e em busca do frescor de novas ideias (e valores) acabam preferindo trabalhar em startups ou abrirem seu próprio negócio do que se sujeitar as velhas ideias e formas de pensar das empresas mais antigas.

As empresas que não observarem isso como um convite a mudança, estarão fadadas a falência. Pois essa é a mudança que o mundo já está sofrendo e quem se mantiver fora disso, dificilmente terá poder competitivo para se manter no mercado por muito tempo. Para mim isso é bem claro e óbvio.

Como funciona a cabeça dos novos profissionais?

Para esses jovens profissionais o trabalho não serve só para ganhar o sustento e conseguir o salário para pagar as contas (o pensamento das gerações anteriores era justamente esse), o trabalho acima de tudo é um meio importante de realização pessoal, não só profissional. Aqueles pensamentos comoTrabalho não foi feito para ser bom, se fosse para ser bom não se chamaria trabalho isso não existe nos dias de hoje, não faz o menor sentido na cabeça desses jovens.

Algumas empresas veem esses profissionais como problemáticos, porque eles incitam o empreendedorismo nos outros profissionais e isso oferece risco a sensação de controle dos gerentes, eles realmente não gostam disso. Eu penso que as empresas precisam ver esses profissionais como profissionais que irão alavancar o negócio da empresa e o papel principal da empresa é justamente dar recursos e engajar essa galera para que eles se realizem aqui conosco e sejam aliados nossos, ao invés de abrir uma empresa para ser um concorrente nosso.

É preciso ver esses profissionais como uma ferramenta importante de evolução para a empresa, não como uma ameaça. Essa galera ta com o gás todo e porque não usamos isso ao nosso favor? E quando eu digo nosso favor, digo ao favor da empresa e do próprio talento, pois é importante que todos saiam ganhando.

Porque ao invés das empresas se intimidarem com esses profissionais que querem salvar o mundo, não dão os recursos necessários para que eles de fato salvem o mundo?

Para mim as empresas que conseguirem manter mais heróis dentro delas, são as que irão mais longe no futuro e ganharam o mercado. Você tem alguma dúvida disso?

Ou você acha que para resolver as demandas da sua empresa não valeria a pena ter uma equipe como essa?

intraempreendedorismo


Obrigado pela sua visita e leitura!

Curtiu o post? Por favor, marque 5 estrelas aqui em baixo, dessa forma você vai irá fazer com que mais pessoas também vejam esse conteúdo!

Compartilhe também no seu Facebook 😉

Muito Obrigado!

Por que o intraempreendedorismo é tão importante?
5 (100%) 5 votes

2 Comentários

  1. Luis Bretas 14 de junho de 2017

Adicionar um Comentário

Comente abaixo!