Crenças limitantes ou Crenças fortalecedoras? Como saber quem é quem?

crencas-limitantes-crencas-fortalecedoras

Você provavelmente já deve ter ouvido falar de crenças limitantes e crenças fortalecedoras e se por acaso você ainda não conheça isso, sugiro fortemente que você escute o podcast que falo sobre crenças. Clique aqui para ouvi-lo.

O fato é que mesmo que você saiba o que é uma crença limitante e uma crença fortalecedora, ainda vai ter um grande problema. Como saber qual crença é fortalecedora e qual crença é limitante? Falando assim superficialmente, parece algo simples e até idiota, mas não é e eu vou te provar isso.

Vejamos as próximas duas crenças e por favor quero que mentalmente você diga pra si mesmo se elas são crenças fortalecedoras ou limitantes, ok?

Vamos lá!

Crença 1:

“O fulano é médico e ganha muito dinheiro por mês e é feliz… vou seguir a mesma profissão dele, dessa forma vou ganhar muito dinheiro e ser feliz também como ele.”

Crença 2:

“Meu pai sempre fez assim nos negócios da família, vou continuar fazendo a mesma coisa que vai continuar dando certo.”

Então o que me diz sobre as crenças?

São limitantes ou fortalecedoras?

Vamos a resposta…

Tenho uma noticia boa e ruim pra te dar. A primeira é que se você acha que ambas as crenças boas e fortalecedoras você está correto(a)! A segunda notícia é que se você acha que as duas crenças que coloquei são limitantes você também está certo.

Como assim?

O fato é que depende. Se a gente não souber que rumo você quer dar a sua vida, quem você quer ser daqui a 5 anos, que estilo de vida quer levar… sem saber qual o plano de vida que você quer pra você, é impossível cravar se essas crenças são fortalecedoras ou limitantes na sua vida. Tudo depende de onde você quer chegar.

Como saber se as minhas crenças são fortalecedoras ou limitantes?

A pergunta é: Essa crença te ajuda ou te atrapalhar a ser quem você quer ser? Ela te fortalece ou te enfraquece para você conquistar o que é importante para você conquistar? Essa é a chave pra classificar suas crenças.

Uma crença fortalecedora pra mim, pode ser uma crença limitante para você, isso depende muitas coisas no qual a principal delas é justamente o que nós vamos querer fazer com as nossas vidas. Sucesso, felicidade, paz… isso tudo é muito relativo e é particular de cada um. Sucesso pra mim pode ser completamente diferente pra você.

Sucesso pra mim pode ser trabalhar para um grande banco a vida toda e ganhar muito dinheiro, sem se importar muito com o tempo com a família. Já para você pode ser levar uma vida pacata no interior, sem grandes aventuras e longe de toda e qualquer agitação. Para o seu vizinho sucesso pode ser levar a vida viajando, estar em um lugar diferente por mês. O que eu quero que você entenda é que não existe regra geral para o sucesso, algo que seja comum a todos os seres humanos.

Não existe receita de bolo, quando se fala de sucesso e felicidade. Cada um tem os seus próprios padrões de significado sobre essas coisas.

Por exemplo… para uma pessoa que detesta lidar com pessoas, acreditar que vai ser feliz seguindo a profissão de médico pode ser uma crença terrivelmente ruim. Se você não gosta de pessoas, como vai gastar pelo menos 8 horas por dia cuidando delas? Ouvindo suas dores e problemas. Essa pessoa vai estudar anos da sua vida para se tornar num médico que vai atender de má vontade, porque justamente está fazendo algo que não tem a ver com seu perfil. Dinheiro não pode ser um único parâmetro de uma pessoa para escolher uma profissão. Dinheiro não é sinônimo de sucesso.

Outro exemplo… se seu pai sempre fez dessa forma nos negócios da família, o que te garante que isso vai levar o negócio da sua família para outro nível? O que ele fez para chegar aqui, não garante que levará a empresa para outro nível pois o mundo muda demais e numa velocidade incrível. Inclusive, dependendo das condições econômicas do país e do mercado, uma crença dessas pode até oferecer grande risco ao negócio no médio e longo prazo. Nunca vivemos um mundo tão competitivo como hoje e essa concorrência, com certeza, vai aumentar.

Não é porque funcionou bem para o outro que obrigatoriamente vai funcionar bem para mim. Isso não te impede de testar, você pode ir lá e testar se aquilo é bom para você, mas não tenha crenças absolutas de que aquilo obrigatoriamente vai dar certo para você. Permita-se testar e se você sentir que não está feliz ali, permita-se mudar de rota.

Não seja uma pessoa que tenha verdades absolutas e imutáveis, saiba aproveitar dos benefícios de ter um modelo mental flexível e mutável. Uma pessoa que tem crenças absolutas não é capaz de fazer diferente, surpreender, inovar… ela só é capaz de repetir. Só uma atitude nova, empreendedora, inovadora e surpreendente é capaz de questionar as crenças já estabelecidas e com isso gerar novos resultados e novas possibilidades de crescimento.

<< Eu gravei um podcast sobre desapego de crenças, clique aqui e confira >>

Grave isso para a sua vida: Você não tem que ter compromisso com nenhuma profissão, jeito de se trabalhar ou mercado para se trabalhar… você só tem que ter compromisso com seus próprios sentimentos e valores. São eles que vão te estar com você 24hs por dia todos os dias da semana, você não tem como fugir disso.

Você é o dono(a) das próprias escolhas e crenças e não o contrário. Você é quem decide quais crenças você quer ter, não o mundo, nem um livro ou um líder religioso que vai fazer isso por você… a não ser que você permita. Negar o poder de escolher as próprias crenças é negar o controle de si mesmo, é entregar o volante da própria vida para alguém que talvez não esteja nada comprometido com a sua felicidade.

Sabe aquela frase: “Você é eternamente responsável por aquilo que cativas” eu tenho um derivação dela que sinceramente me agrada muito mais: “Você é eternamente responsável por aquilo que crê”

Porque no fim de tudo é como o filósofo Immanuel Kant pensava.

No fim das contas não é o que você faz ou como você faz que importa, é porque você faz que realmente importa.

Crenças limitantes ou Crenças fortalecedoras? Como saber quem é quem?
5 (100%) 1 vote

Adicionar um Comentário

Comente abaixo!